02 abril 2014

[Resenha] A Aposta 2 (O Casamento) - Vanessa Bosso

Título: A Aposta 2 - O Casamento
Autora: Vanessa Bosso
Editora: Amazon
Gênero: Romance
Sinopse: Lex e Nina estão de volta, mais explosivos e apaixonados do que nunca. Um pedido de casamento entra em cena, juntamente com uma Bárbara louca de ódio e sedenta por vingança. O que a Kibiscate aprontará desta vez? Conseguirá finalmente separar o casal mais divertido da literatura brasileira? Façam suas apostas. A Vingança Mor está prestes a começar.
Se tem uma coisa ingrata nessa vida de blogueiro é falar mal de um livro ainda mais nacional. Normalmente eu nem resenho, mas como percebi que minha opinião é totalmente diferente de todas as outras, resolvi escrever. Ok, se tá todo mundo falando bem e eu não gostei, o problema pode estar em mim. Mas acredito que mais alguém possa pensar como eu, então já digo de antemão: leia (o livro, não só a resenha) e tire suas próprias conclusões.

Li A Aposta quando ainda estava no Wattpad, quando a Vanessa estava dando os primeiros passos na Amazon. Lembro quando ela anunciou o 2, quando ela mostrou a capa, quando ela lançou... O primeiro foi um livro gostoso de ler, que me arrebatou de cara, e talvez por isso eu tenha criado uma expectativa enorme pelo segundo. Mas, infelizmente, sofri uma série de decepções durante a leitura.

Em A Aposta vemos o 3º ano de Nina e Lex, como eles se apaixonaram e superaram obstáculos e kibis pra ficarem juntos. Ok, personagens adolescentes, livro adolescente. Já era de se esperar, e foi gostoso justamente porque eu sabia o que iria encontrar naquelas páginas: um romance leve, com cenas engraçadas e personagens vivendo a fase da adolescência. Mas a continuação se passa 4 anos depois, começando com o pedido de casamento. O que eu imaginei? Personagens com a mesma personalidade, mas sem aquele mimimi dos adolescentes, com um tiquinho a mais de maturidade. Só que não é isso que acontece.

Não tem muito o que contar do livro diferente do que a sinopse já fala. Babi fica possessa com a notícia do casamento e resolve botar as garrinhas de fora pra arruiná-lo, assim como no 1. A kibi ser imatura, ok, ela é louca mesmo. Mas Nina e Lex terem os mesmos ciúmes bobos do ensino médio não desceu na minha garganta. Cheguei a ficar com raiva da Nina de tão idiota que ela foi: uma estudante de Medicina, que convive com sangue, morte e tal, na hora de lidar com os ciúmes esquece toda a racionalidade e se deixa agir só e somente só com a emoção. O casal é completamente apaixonado, mas se deixa abalar por qualquer desconfiança; eles têm lapsos de adultos, mas na maior parte do tempo agem como adolescentes. Por exemplo, tudo tinha que ser resolvido na porrada. Em uma cena até chegou a se usar a conversa, mas o pensamento inicial era logo bater, socar, esmurrar e afins. Entendo que ser estouradinho faz parte da personalidade de ambos, mas uma coisa é pensar, outra é agir, ir parar na delegacia e sair de lá como se nada tivesse acontecido (ainda não entendi essa parte, mas vamos prosseguir).

A sequência de fatos foi óbvia demais pra mim. Quando aparecia um personagem ou uma situação, eu já previa o que ia acontecer. Tudo foi muito clichê, mais do mesmo. Esperei um final surpreendente, com doses de vida adulta, mas não. E achei mal explicada a história da aposta que Lex ganhou e conseguiu a grana pra mudar de vida (no melhor estilo "Até que a sorte nos separe"), pensei que isso fosse ter a ver com o clímax do livro ou ganhasse mais espaço, mas foi apenas citado e só.

Uma coisa que me incomodou demais foi a autora não ajudar o leitor a se lembrar do que aconteceu no livro 1. Ao invés de citar um personagem/situação e fazer um breve resumo JK feelings, ela simplesmente joga como se eu tivesse lido o primeiro livro semana passada. Depois de 1 ano, sou obrigada a lembrar todos os coadjuvantes? E, pior, que uma coadjuvante é fissurada por chinelos?

Durante o desenrolar da história, o livro 1 ganhou vida. Uma das amigas de Nina escreveu a história do casal e está prestes a publicar, então A Aposta é algo tangível pra eles, inclusive com participação especial e fundamental no desenrolar da trama. E quanto a isso a Vanessa está de parabéns, porque achei muito boa essa sacada. Tudo bem que faltou um pouquinho de modéstia na hora de elogiar o livro e a capa, mas a gente releva.

Os títulos dos capítulos denunciavam muito. Quem lê o sumário descobre a história toda. Ainda bem que não li antes, mas, depois que acabei, voltei a ele pra confirmar minha teoria.

Ah! Meio incoerente o livro se passar 4 anos depois do 1 e o Bola já estar formado em Psicologia. Primeiro porque ele não dava sinal de que queria isso, mas em tempos de SISU é até compreensível. Porém, que eu saiba, Psicologia se cursa em 5 anos, e não houve menção a ele ter adiantado 2 períodos na faculdade.

A capa ficou linda, com o mesmo casal do primeiro livro e o detalhe de colocar o 2 como carta de baralho. Mas a revisão deixa a desejar, com alguns "a" no lugar de "há" e otras cositas más.

O melhor do livro foi a narração, que, assim como no 1º, é um observadora "enxerida". Não se contenta em só contar a história, tem que palpitar, fazer piada, emitir opinião... Deixa o livro mais leve e a leitura mais dinâmica.

Em resumo, acredito que grande parte do meu desgosto se deve ao fato da expectativa criada, o que, por sua vez, está ligado ao tipo de marketing usado. Já não é o primeiro livro da autora que a sinopse ou as frases de efeito da divulgação me levam a pensar que a história é de um jeito e na verdade é de outro bem diferente.

É um livro rápido e, em partes, engraçado. Pode cair muito bem pra leitoras românticas, mas tenha em mente que é uma história adolescente, nem como YA pode ser classificado. Eu preferia ter parado no 1, estava de bom tamanho.

Alguém aí já leu? O que achou?

Beijos!

18 comentários:

  1. Não li o livro ainda, mas achei a resenha bem legal. Realmente deve ser difícil escrever uma crítica, principalmente a autores nacionais. Mas opinião é opinião, e acho que independente de qual seja, há o direito de ser expressa, ainda mais quando é respeitosa!
    Fiquei com a impressão de que o livro é bem "comum", sem muitas novidades. Talvez não seja ruim, mas ainda assim não é algo que me atraia (histórias adolescentes).
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Eu li e preferi o 2 ao 1, me diverti mais e achei o Lex mais apaixonado. Adoro!!! Chorei, dei risada e fiquei com raiva, uma explosão de sentimentos durante as 3 horas ininterruptas de leituras. Só para acrescentar um detalhe, A Aposta e A Aposta 2 são livros teen, apesar dos personagens terem ficados mais velhos. Achei a parte que você não gostou totalmente plausível por causa do gênero e o público a que se destina. Eu amei e super-recomendo. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei do 1, mas amei o 2. O Lex está muito mais apaixonado e muito mais apaixonável! kkkkk Suspirei, dei risada, fiquei brava e chorei durante as três horas, intensas, de leitura. Por ser um livro teen, achei toda a loucura bem plausível e coerente com o gênero e o público a qual é destinado. É superdivertido e eu recomendo a leitura, com certeza. Beijos

    ResponderExcluir
  4. eu nem sabia que tinha mais que um livro! chocada!!!!
    faz um tempão que quero ler a aposta, parece ser divertido e romântico!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu não li o livro 1, por isso passei por cima da resenha e não gostei muito do que li...
    Deve ser chato já ir adivinhando o que vai acontecer no decorrer da estória...
    Livros que não agradam fazem parte, independentemente se serem nacionais ou não... não fica chateada...
    Eu não fiquei a fim de ler... mas vamos aguardar as cenas dos próximo capítulos, hehe.
    Bjs ;)

    ResponderExcluir
  6. Eu não li o primeiro, nem conhecia para ser honesta. Romance por si só já não me agrada muito e este pelo o que você contou nem vou me dar ao trabalho,mesmo que você tenha dito para tirar minhas próprias conclusões. Procuro dar créditos aos autores brasileiros e mesmo que eu não vá ler este, espero que obtenba sucesso!

    ResponderExcluir
  7. Só li um livro da autora e gostei bastante, mas o enredo é bem diferente deste aqui. Tem horas que é mesmo preferível para em um, sem continuações.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não li o primeiro, então não posso opinar muito. Mas pela sua resenha, o segundo tem algumas falhas. Essa falta de maturidade dos personagens com certeza iria me incomodar e ter uma trama muito previsível e clichê não é muito bom =/
    Também não gosto quando os títulos dos capítulos denunciam tudo o que vai acontecer, assim perde a graça.
    Acho que vou ler o primeiro, mas não estou ansiosa pelo segundo. Desejo muito sucesso para a autora.

    ResponderExcluir
  9. Oi Giulia, sinto muito que você não tenha gostado, mas parabéns pela a sua atitude e sinceridade de dizer realmente o que achou. Só quem é blogueiro sabe o quão saia justa é resenhar negativamente um livro nacional. Nossa, já passei maus bocados por causa disso e, não adianta darmos a nossa opinião de maneira educada como você fez, basta falar que não gostou que "o povo" surta. É uma pena a autora não ter conseguido manter a qualidade de escrita "na sua opinião", mas concordo, cada um tem que ler e ver o que achou por conta própria. Eu ainda não tive a oportunidade de conhecer o texto da Vanessa, mas só escuto elogios. Então um dia quero muito ler os livros dela. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  10. Oie flor, estava super curiosa pra ler o primeiro e esse segundo livro! mas é uma pena que o segundo seja um pouco decepcionante!!! É realmente irritante quando temos personagens já adultos mas com aqueles mimimis de adolescente, isso estraga a leitura do livro! Outra coisa é o autor não relembrar o que aconteceu no primeiro livro, sem dizer que briguinhas o tempo todo se torna chato e cansativo!!

    Beijos!

    Meu Diário

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem??
    Ainda não tive a oportunidade de ler o primeiro livro, mas li algumas resenha sobre ele e tenho bastante interesse, mas confesso que sua resenha da continuação não me animou em nada, é ruim quando a trama não cresce e seus personagens não amadurecem...Uma pena mesmo...

    ResponderExcluir
  12. Poxa flor recentemente tive um probleminha com um autor nacional, li o livro, e antes de resenhar entrei em contato com ele para discutir algumas coisas (preferi ir na fonte antes de colocar minha humilde opinião), mas ele respondeu meio grosseiro, bom eu nem tinha criado muita expectativa não, mas achei bem fraca a história, já com outra autora brasileira eu ameiiiiiiiii...

    ResponderExcluir
  13. Ainda não li o primeiro livro e li muitos elogios à ele então espero poder conferir a obra em breve. Tenho um amigo que é apaixonado pela escrita da Vanessa Bosso, então como temos gostos similares espero gostar do livros dela também ^^. E realmente, acho meio estranho a autora escrever um segundo volume tendo se passada tanto tempo...

    ResponderExcluir
  14. Oi, flor! Ainda não li o livro 1, na verdade nem o conhecia (rs), mas achei sua resenha muito bacana. A sua sinceridade é, certamente, bem-vinda para a autora. Eu acho que é um grande desafio escrever qualquer continuação de livro, porque os leitores sempre esperam maior desenvolvimento ou maturidade dos personagens e não é com a mesma frequência que os autores acertam (rs).
    Que pena que teve essa impressão… :( Não acho que lerei o livro 1, mesmo que tenha sido ótimo como disse. Eu simplesmente não sabia da existência dele e acho que continuarei sem saber muito (rs).
    Beijo carinhoso!

    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Oi, eu não conhecia o livro, e nem a autora, que pena que você não gostou do segundo livro, e acho que você deve fazer resenhas, mesmo que não tenha gostado do livro, pois sua opinião é muito importante, não me interessei pelo livro, então provavelmente não irei ler, mas quem sabe um dia né.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  16. Ainda não conhecia o primeiro livro e achei uma pena você ter se decepcionado com a continuação...concordo que não é nada maduro um casal brigar por qualquer coisa sem antes conversar e me irrita muito. Acho que leria o primeiro livro, mas se fosse ler o segundo também, não começaria com altas expectativas para não me decepcionar também rs
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi Giulia, tudo bem?

    Não tinha conhecimento sobre esse livro e nem da autora, mas mesmo assim, acho que eu não teria uma leitura agradável, uma vez que "romance" não é um dos meus gêneros preferidos. Uma pena você não ter gostado da continuação, creio que esse seja um dos problemas na maioria das continuações - nem sempre vemos a mesma qualidade posta no primeiro. Enfim, não sei se lerei o primeiro e nem esse, mas sua resenha ficou ótima. =D

    Abraços,
    Gustavo Demétrio
    Blog Vida de Leitor

    ResponderExcluir
  18. Bom.. pra dizer a verdade o primeiro livro foi um verdadeiro deleite... leitura ótima... a crítica feita por giulia é plausível para o segundo livro... portanto para se familiarizar com a história de lex e nina é preciso viver as emoções do livro como se você fizesse parte dele... é uma história sensacional... belo trabalho de Vanessa bosso nos presentear com tal história...

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós e será sempre respondido, volte para conferir!
Se possível, deixe o link de seu blog, adoramos conhecer espaços novos e retribuir a visita!