21 fevereiro 2014

[Resenha] Fama - Tilly Bagshawe

Título: Fama
Autor(a): Tilly Bagshawe
Editora: Record 
Nº de páginas: 462
Gênero: Romance
Sinopse: Linda, rica e famosa, a atriz Sabrina Leon, tem um temperamento explosivo e uma vida desregrada que pode lhe custar a meteórica carreira em Hollywood. Sua chance de redenção surge no convite para protagonizar o remake de O Morro dos Ventos Uivantes, dirigido pelo famoso porém agora quase falido, Dorian Rasmirez, que busca também salvar sua carreira. Para dar vida a Heanthcliff, o personagem dos sonhos de qualquer ator, a escolha é o sensual e arrogante Vioriel Hudson, que levará mais do que seu profissionalismo para o set. Dos letreiros luminosos de Hollywood para a idílica Laxley Hall, no coração de Derbyshire. Dorian consegue reconstruir o cenário perfeito para o filme. Mas esse glamoroso mundo ee egos e poder é recheado de intrigas , e Dorian tem um talento enorme para escalar pessoas perigosas e dissimuladas para sua vida, que são capazes de tudo para escrever seu nome na calçada da fama.
Antes de qualquer coisa, gostaria de dizer como conheci Tilly, quando meu divo maior, Sidney Sheldon morreu, Tilly deu sequência a um de seus livros escrevendo "A Senhora do Jogo", continuação de "O Reverso da Medalha". 


Sidney havia escrito a introdução e alguns capítulos da continuação quando veio a falecer, Tilly era antes de tudo uma grande fã do escritor e já há alguns anos trocava emails e mensagens com ele, e por incrível que pareça, não o conheceu pessoalmente, ela foi durantes anos apresentando algumas de suas histórias para ele. A família então a escolheu para dar continuidade às histórias já começadas do autor. UAU!!!! E foi assim que eu conheci Tilly Bagshawe, no inicio com aquele pé atras, com aquele ridículo preconceito já formado, de que NUNCA vai chegar aos pés do melhor escritor do mundo, mas ao longo do livro, a escrita dos dois vai se fundindo e sinceramente, não sabia onde começava um e terminava ao outro. Me rendi, afinal uma escolha do Sidney, não poderia ser errada. Fama é o primeiro livro dela que leio sem estar assinado junto com o mestre!

À beira da falência, o lendário cineasta Dorian Rasmirez dá sua última cartada no mundo hollywoodiano ao produzir o remake do clássico "O Morro dos Ventos Uivantes". Ele precisa desesperadamente de um sucesso para salvar sua carreira e não medirá esforços para conseguir o que quer. Até mesmo escalar a problemática Sabrina Leon para interpretar Cathy Earnshaw

Sabrina é uma escolha arriscada, dona de uma beleza estonteante e de um talento sem igual, a jovem foi resgatada da obscuridade e de uma infância difícil para se tornar a nova que queridinha da America. Mas nem tudo em sua vida é luxo e glamour. Embora seja presença garantida nas festas mais badaladas de Los Angeles, Sabrina está sempre embriagada e sua ultima declaração aos paparazzi, quase lhe custou tudo o que construiu. 

Mas Dorian sabe que atuando com o par perfeito, Sabrina pode realizar a melhor performance da sua vida. E esse ator é o sexy Viorel Hudson, que como o lendário personagem Heathcliff, tem tudo para conquistar Hollywood. No auge de sua carreira, ele parece estar preparado para o desafio. A química entre os dois atores é imediata e as filmagens começam bem, no entanto, Dorian e sua equipe têm que trabalhar muito para fazer do filme, um sucesso. Além de driblar o orçamento apertado e os dramas dos bastidores, Dorian precisa superar outro grande diretor, Harry Greene, que tem uma rixa pessoal com ele e que parece estar disposto a tudo para acabar de vez com o rival. 


Talvez por ter gostado tanto dos livros em que ela escreveu em parceria com Sheldon eu esperava demais desse livro. Comecei a leitura ansiosa e fui me frustrando aos pouquinhos. 
É difícil não fazer comparação ao estilo do autor, mas para avaliar esse livro e essa autora, eu até demorei a resenhar esse livro para poder separar bem esse conflito interno, afinal não posso ser injusta com ela. 

A história é intrigante, eu achei o começo bem lento, mas tudo vai se encaixando conforme vai se desenvolvendo, os personagens são apresentados de forma coerente fazendo com que consigamos ter um retrato fiel de cada um. Não existe perfeição para eles, ninguém é 100% bom ou 100% vilão, todos tem passados duros e possuem historias de merecimento, até a chatinha da Sabrina Leon teve meu momento de "Putz - Coitadinha". 

Dorian consegue alugar a propriedade de Tish, um lugar lindo com cascatas, pontes, verde, parecendo mesmo estarem na terra do Morros dos Ventos uivantes, pois até um morro tem lá. Por mim a protagonista desse livro seria Tish e não Sabrina, eu adorei essa personagem. 

A transição, ou melhor, a troca de capítulos de um personagem para outro, de um conflito para uma solução, de um lugar para outro, por exemplo, da Romênia para Los Angeles, é feita com cuidado e não faz dar um nó na cabeça de quem está lendo, muito se deve a leitura arrastada lá no inicio. 

Algumas páginas poderiam ser excluídas porque muitos detalhes se torna cansativo, apesar de ser um livro fácil, eu demorei alguns dias a mais para ler por não conseguir me concentrar totalmente na história, talvez o fato de não ter nenhum suspense ou grande revelação a ser descoberta me fizeram desanimar um pouco. 

Para quem gosta de saber um pouco mais dos bastidores da fama, como é a produção cinematográfica,  as ambições, o jogo de poder, tanto de grandes produtoras como dos próprios artistas, pode apostar neste livro, pois são descritos com realidade, tudo parece muito crível. Existe ambição, jogo de trapaças, decadências, sujeira, enfim, é possível encontrar um pouco de tudo na narrativa. 

Discordo completamente da indicação da capa feita por Sophie Kinsella de que o livro é "Pura Diversão".

O livro é denso, conta romances, até com algumas cenas de sexo bem descritas, dificuldades, amadurecimento, problemas na infância, adoção, entre tantos outros, ele pode ser tudo mas não é divertido. 

A trama é bem amarrada, você vai se pegar ora torcendo por um personagem e 5 capítulos depois o detestando. O final pra mim foi muito corrido, previsível depois de alguns pontos, mas nem por isso menos empolgante, embora eu acho que a autora quis dar um fim de "foram felizes para sempre" para quase todas personagens, e, dessa parte, eu não gostei muito. Um pouco forçado vai, mas com cenas muito bem construídas.

Um mundo cheio de intrigas, charme, sedução, trapaças, glamour, decadência, dinheiro , poder fama.

É um livro para ser lido com tempo, para aproveitar a narrativa. 

Sera que a Fama resolve tudo???

Se você já leu me conte o que achou , se ainda não leu corra para conferir. !



12 comentários:

  1. ja li algumas resenhas do livro, mas acabaram por não me atrair!
    confesso que fiquei surpresa em saber que a autora já escreveu com Sheldon, poder define!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Esse livro me lembrou o Chamado do Cuco! Deve ser ótimo.
    Beijos!

    Page Segredos de Moda

    Blog Segredos de Moda

    ResponderExcluir
  3. Hum Sara, não sei gostei desse livro :\
    Sou fã de Sidney Sheldon e talvez pelo fato da autora ter quase o mesmo estilo, eu leria, mas não sei. Tramas muito densas e amarradas não tem me atraido muito.
    Apesar de tudo isso, sua resenha ficou muito boa, parabens!
    Beijos, ótimo final de semana :)

    Doce Insensatez
    @morenalilica

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia o livro ,primeira resenha que eu leio por alto não despertou meu interesse!
    Beijinsss!

    ResponderExcluir
  5. Oi Sara,
    Como gosto muito da escrita de Sheldon, fiquei na dúvida em relação ao livro, é inevitável que eu faça comparação e injusto ao mesmo tempo, acho que não leria por isso e pela temática, nem sempre livros que tratam da fama me envolvem.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  6. Gente quando li que algumas páginas poderiam ser arrancadas que nem sentiria falta me fez lembrar de um livro que eu considero assim: SENHORA de José de Alencar, mesmo sendo um clássico, caaaaaaaaaaaaaansa a paciência de qualquer um. O livro poderia até render, mas quando tem uns capítulos que atrasam mesmo a leitura, mas esse daí estou curiosa!!

    ResponderExcluir
  7. Sara-sua-linda, você tem um jeito tão próprio de resenhar um livro que me faz perguntar: "Como pude demorar tanto para voltar aqui?!" (rs).
    Menina, a começar pela curiosidade maravilhosa que apresentou logo de cara! Não sabia que este livro era da autora que deu prosseguimento às obras do Sidney Sheldon! Eu sabia que o autor continua a ser eternizado por meio do talento dela, mas não que ela própria estaria agora lançando seus romances sem seguir necessariamente o estilo dele. <333 Li uma única resenha de Fama e levei o livro entre os meus desejados pelas boas impressões da blogueira.
    Mas foram as suas palavras que me fizeram desejar conhecer o livro para ONTEM! (rs) Como sempre, você "vende a ideia, a vida, a alma…" do livro para os seus leitores, flor. Sua opinião é de tamanha consistência, sem no entanto perder a doçura da sua personalidade, que faz sorrir até chegarmos ao final do seu post. :) Waaaaa, lembro que esse blog foi um dos meus inspiradores para criar o meu próprio. Queria despertar nos meus leitores pelo menos um terço do que vocês despertam em mim (rs).
    Bem, claro que Fama está na minha meeeeega lista de leitura, assim como Viva Para Contar, que até hoje ainda não consegui ler (mas nunca esqueço ser uma indicação sua). Ambos os livros, quando pegar em mãos, certamente me farão lembrar de você, flor.
    Beijo carinhoso!!!!

    www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Sara, não li ainda, e na verdade, não lembro de ter lido outra resenha do livro. Gostei e vou anotar a super dica.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  9. Ainda não conhecia esse livro, me interessei e já entrou para a minha listinha de desejados. Adoro livros recheados de intrigas. Ótima resenha!

    Bjs,

    ResponderExcluir
  10. Primeiramente, essa capa é linda mas quando bati o olho achei que fosse um livro erótico. Como nunca li nada do Sidney (Shame on me!) não posso opinar mas se Sidney achou que a moça era capaz então quem sou eu pra discordar né. Adoro ler histórias que contam os bastidores da fama, e como é a vida desse povo que anda sempre na mídia. Recentemente li o romance erótico da Bella Andre, Por um momento apenas, e achei muito legal a abordagem sobre a vida de pessoas que vivem da fama. Foi esse o fator que me deixou extremamente interessada na leitura de Fama, uma pena que em alguns trechos a leitura seja lenta, isso me desanima bastante, mas se tiver a oportunidade lerei com certeza!

    Beijos, Greice.
    diariodaalvorada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Não li o livro e nem sei se lerei ele, a estoria parece ser boa, mas não me chamou a atenção e nem me despertou vontade de lê-lo...

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
  12. Sidney Sheldon é um ótimo escritor e saber que a autora se "relacionava" com ele me deixou muito feliz pois com certeza ela se inspirou nele então esse livro com certeza é ótimo. Amo histórias envolvendo estrelas de Hollywood e todo o mundo famoso. Espero poder ler esse livro.
    Beijos

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós e será sempre respondido, volte para conferir!
Se possível, deixe o link de seu blog, adoramos conhecer espaços novos e retribuir a visita!