21 outubro 2012

Quotes # 2

Tudo Aquilo que nunca foi dito - Marc Levy

Se você é como eu que precisa conhecer um pouco da narrativa para saber se vai gostar ou não de um livro, essa é sua oportunidade de conhecer essa história interessante.

         O homem assinou um formulário e aplicou um carimbo sobre a fotografia de Anthony Walsh. Última marca num passaporte em que os nomes estampados de cidades narravam, sobretudo, a história de uma grande ausência. Pág 18

       -Mas eu não tenho nada contra o seu noivo, ele é perfeito! Só que eu gostaria de ver na sua vida alguém que te empolgasse, mesmo que fosse cheio de defeitos, em vez de alguém que você só escolheu por ter certas qualidades. Pág 27

           Ela teve vontade de lhe tocar a face, de arrancar um fio de cabelo para ter certeza de que não era ele, mas Julia e o pai há muito tempo tinham perdido todo prazer em qualquer contato físico. Nunca o menor abraço para um beijo, sequer um aperto de mãos, nada que pudesse se assemelhar a um gesto de carinho. O fosso aberto pelos anos não podia mais se preencher, e menos ainda com uma cópia. Pág 36

      - Querida até as crianças que nunca conheceram os pais de verdade cedo ou tarde sentem necessidade de buscar suas raízes. Frequentemente é cruel com quem as educou e amou, mas assim é a natureza humana. Dificilmente se segue adiante na vida quando não se sabe de onde se vem. Então, se for preciso não sei qual périplo que te leve a descobrir, enfim, quem era o seu pai e reconcilie o seu passado e o dele, não deixe de fazer isso. Pág 62

          Você seria capaz, por sete anos, de se oferecer a alguém sem reservas, completamente, sem se conter, sem apreensão nem dúvida, sabendo que essa pessoa que você ama mais do que qualquer coisa no mundo vai esquecer quase tudo do que vocês viveram juntos?(...)
-É da mamãe que você está falando?
 - Não querida, é de você. O amor que eu acabo de descrever é o de um pai ou o de uma mãe pelos filhos. Pág 202

         Precisa recuperar o espírito, temos mais dois dias só para nós, para falar tudo aquilo que nunca foi dito. Pág 204

        Tudo que fiz foi falar de mim, mas há muitas outras coisas que eu gostaria de saber a respeito dele, da vida dele. Pela primeira vez, pude vê-lo com olhos de adulto, livre de quase todos os meus egoísmos. Admiti que meu pai tenha defeitos como eu, e isso não quer dizer que eu não o ame. Pág 228

        Julia, a gente pode acusar a nossa infância, acusar interminavelmente nossos pais por todos os males que nos afligem, incriminar a eles pelas provocações da vida, por nossas fraquezas, nossas covardias, mas, no fim, nós somos responsáveis pela nossa propria existência, nós nos tornamos o que decidimos nos tornar. Pág 231.

       Mesmo ausente, nunca estive longe de você como você achou, e mesmo desajeitado e inábil, amo você. Tenho apenas uma coisa a pedir: que seja feliz. Seu pai. Pág 234

Estes foram os quotes que me emocionaram.

E você é capaz de se deixar tocar por essa linda história???

2 comentários:

  1. Sempre que leio um livro que atenta aos cotes que marcam, ultimamente tenho lido livros que não passagens tão belas como que gostaria, e sinto que fica faltando algo que marque a leitura pra mim.
    Nunca li nada de Marc Levy, quem sabe um dia.

    ResponderExcluir
  2. Já disse que coleciono frases num caderninho, né? Então... repetindo: amo essa coluna do blog! *-*

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós e será sempre respondido, volte para conferir!
Se possível, deixe o link de seu blog, adoramos conhecer espaços novos e retribuir a visita!